Carlos Paião já dizia e com razão: no que toca ao vinho do Porto, "(...) não há champanhe que nos ganhe". Da vindima num Património Mundial da UNESCO às dezenas de variedades de uva, muitas são as histórias que este vinho tem por contar. Hoje, contamo-las nós.

1 vinho, 5 tipos e dezenas de uvas diferentes

O vinho do Porto pode ser distinguido pelo tipo de produção e tempo de envelhecimento, que lhe dá diferentes características. Assim, dentro deste vinho existem 5 tipos: vinho do Porto Ruby (envelhecido em pipa), vinho do Porto Tawny (envelhecido em garrafa), vinho do Porto Branco, vinho do Porto LVB (Late Bottled Vintage) e vinho do Porto vintage.

Contudo, não é apenas de 5 castas que se faz o vinho do Porto: existem cerca de 30 variedades de uvas que podem ser usadas na sua produção.

Vinho e vindima à moda do Douro

A região do Alto Douro Vinhateiro, berço do vinho do Porto, é Património Mundial da UNESCO desde 2001, sendo a mais antiga do mundo - criada em 1756 pelo Marquês de Pombal.

Os tempos passam, mas há tradições que ficam. Até aos dias de hoje, as uvas para o vinho do Porto continuam a ser pisadas na forma tradicional, tornando-o ainda mais único.

D. Antónia Ferreirinha, a mãe do Douro

D. Antónia é uma das mais marcantes figuras na história da produção de vinho do Porto. Carinhosamente apelidada de “Ferreirinha”, ficou famosa pela sua dedicação ao cultivo e às inovações que introduziu na região - tendo ficado imortalizada através de diversos vinhos que a homenageiam.

Descobrimentos (por acidente)

Para terminar, e porque o melhor acontece por acaso, contamos-te a história da descoberta deste típico vinho do Norte. Acredita-se que a bebida foi descoberta de forma acidental, em meados do século XVII, quando Inglaterra escolheu Portugal como o seu principal fornecedor de vinhos. Nesse sentido, e para que o vinho resistisse às longas viagens pelo mar, os comerciantes ingleses acrescentavam aguardente aos barris para conservar a bebida. Curiosamente, foi através desta fórmula que surgiu o processo de fermentação para adocicar o vinho e aumentar o seu teor alcoólico.

Quais destas histórias conhecias? E quais ficaste a conhecer? Agora já não vais conseguir saborear vinho do Porto da mesma forma - mas ainda vais a tempo de o fazer com 15% de desconto durante o mês de janeiro. Usa o promocode PORTO15 e prova por ti a riqueza deste vinho. Bring it on!

Subscreve a nossa newsletter

Ao subscreveres estás a aceitar a nossapolítica de privacidade.